Páginas

20 de dez de 2010

QUEM VEIO PRIMEIRO, O OVO OU A GALINHA?


(INCÓGNITA)

Depois de noites de sono perdidas, procuro ainda, uma explicação para o seguinte entendimento:

“Quem veio primeiro, o ovo ou a galinha?”

A questão que já foi alvo de discussão e já rendeu muito pano para manga, parece que nem Freud explicaria a contento.

Observações feitas com base em reflexões chegam-se a conclusões adversas; mas, isso não passa de simples tentativa de desvendar o mistério.

Houve quem afirmasse com todas as letras que, primeiro do que a galinha veio o ovo. Quem disse uma asneira dessa, esquece que a galinha tem papel primordial e preponderante ao botar e chocar  para fazer nascer uma nova galinha,  do ovo que ela continua dando vida sucessivamente num círculo vicioso: "... A galinha o ovo, o ovo a galinha... e assim por diante.

Mas com toda sequência ordenada que perpetua ainda entre nós, a fêmea do galo no seu papel habitual não teria bem mais razão de ser?  A natureza pródiga não teria formado com mais lógica primeiro um ovo e depois a galinha levando-se em conta a evolução das espécies?

Ademais, alguns estudiosos, apoiados na ciência ,afirmam com muita propriedade quanto a origem  dos ovos dos répteis serem bem mais remota. Dizem com segurança em suas concusões terem eles surgido bem antes dos da galinha. Quem sabe? Sendo assim, a mesma ladainha da ave haveria de se repetir naqueles que gostam de "matar a cobra e mostrar o pau": quem teria vindo primeiro, o réptil ou o ovo ?

Mas no frigir dos ovos, entre outros que procuram uma opção para definir o seu parecer, há quem diga que a galinha veio junto com o embrião em desenvolvimento. Isso denotaria a volta ao estudo da vida pregressa pela dúvida do pai precursor do embrião (que já foi ovo um dia  surtando daí outra capciosa pergunta “quem veio primeiro, a galinha ou o galo?”

Por outro enfoque, até a Arca de Noé serviu de argumentação. A galinha certamente era uma das pioneiras que estava lá juntamente com o galo, antes do dilúvio, para compor o reduto da bicharada que daria continuidade a multiplicação. Estaria ela com um embrião em via de formação ou não? Supõe-se que ninguém vem primeiro. Somos seres gregários e páreos sempre, uns dos outros. O importante não é o que ficou para trás. Muitos que vieram primeiro já foram últimos. Importa-nos o hoje; novas cantadas de novos galos, ovos novos, novas galinhas, pelos poleiros afora que a vida nos oferece.

5 comentários:

  1. Nossssssa! Tive inveja.

    ResponderExcluir
  2. EXTRAORDINÁRIO, EXCÊNTRICO ESSE ARTIGO TA DEMAIS>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

    ResponderExcluir
  3. Quem nasceu primeiro, eu ou meu filho?

    ResponderExcluir
  4. nem o galo nem a galinha, primeiro foi o pinto

    ResponderExcluir
  5. AH, AH AH AH AH AH Essa dai, ACIMA, antes de mim, é o máximo!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    KYA KYA KYA KYA KA KA. SOmos anônimo sim.

    ResponderExcluir