Páginas

9 de dez de 2009

LEILA LOPES DEIXA CARTA E R$ 120 MIL PARA SEU SOBRINHO-NETO



















"... EU NÃO ME SUICIDEI..."



Carta deixada por Leila Lopes, divulgada pela família, ela escreve que não se matou, "partiu para junto de Deus". "É preciso coragem para deixar esta vida. Saibam todos que tiverem conhecimento desse documento que não estou desistindo da vida, estou em busca de Deus. Não é por falta de dinheiro, pois com o que tenho posso morar aqui, em Floripa ou no Sul. Mas acontece que eu não quero mais morar em lugar nenhum. Eu não quero envelhecer e sofrer. Eu vi minha mãe sofrer até a morte e não quero isso para mim. Eu quero paz!”, escreveu a atriz. No final da carta, Leila ainda agradeceu vários amigos e empresas e ressalta ter certeza que Deus a perdoará pelo ato de tirar a própria vida. "Não bebo não uso drogas, eu decidi que já fiz tudo que podia fazer nessa vida. Tive uma vida linda, conheci o mundo, vivi em cidades maravilhosas, tive uma família digna e conceituada em Esteio, brilhei na minha carreira, ganhei muito dinheiro e ajudei muita gente com ele. Realmente, não soube administrá-lo e fui ludibriada por pessoas de má fé várias vezes, mas sempre renasci..."
Giambatistta Frouterotta, seu esposo, disse que tudo que Leila deixou foi R$ 120 mil para que seu sobrinho- neto faça na China, tratamento de paralisia pela qual foi acometido há 3 anos, desde que um armário caiu sobre o garoto de 4 anos de idade.

(É o que conta a coluna de Mônica Bergamos, do jornal “Folha de S. Paulo”, desta quarta-feira-9 ).

Nenhum comentário:

Postar um comentário