Páginas

11 de fev de 2010

GRINGO DA SEGURANÇA DE BEYONCÈ TERIA CHAMADO SOLDADOS BRASILEIROS DE CACHORROS


(HUMILHAÇÃO )

Tudo transcorria normalmente.
As cantoras Bayoncè e Alicia Keys, posicionavam no Morro da Conceição (Zona portuária do Rio de janeiro) para gravar um clipe.
As coisas eram devidamente esquematizadas como manda o requinte da ocasião. De um lado os policiais brasileiros do 5º Batalhão também estavam apostos exercendo as suas prestabilidades.Foi quando o chefe de segurança de Beyoncè, o americano Rubens Ernesto Mena, bradou do seu pedestal. Olhou para os homens da corporação, franziu o cenho e desdenhou com palavras pejorativas. Os próprios não entenderam por quais razões; o homem quis rebaixá-los.Seria um ato de aparecer ?
O certo é que; o clima de animosidade provocado pelo segurança, culminou com a determinação do Cel. Henrique Alves Lima, no sentido de conduzir o brigão à Delegacia mais próxima.
Ao sair de cabeça baixa, depois de depor em justiça, a impressão que se tinham os presentes, era de que ele fora reprimido a ponto de repensar a ignorância.
Só depois de não dar a mínima para os jornalistas que se acotovelavam à porta da Delegacia, veio a conclusão de que a arrogância do gringo permanecia irredutível. E, qualquer que fosse o assédio seria em vão. Certamente só ao delegado contou por que teria chamado os soldados brasileiros de dogs.

Nenhum comentário:

Postar um comentário