Páginas

14 de jun de 2009

CASAL ESCAPA DO VOO AF 477-MAS A MULHER MORRE EM OUTRO ACIDENTE


Um casal de italianos, Johanna Ganthaler e seu marido Kurt depois de 10 dias de férias no Brasil, vão até ao Aeroporto Tom Jobim no Rio de Janeiro para ir embora mas, chega atrasado e perde o voo da AF 477.
Lamentaram;mas dia seguinte pegaram outro avião diferente e partiram em viagem de regresso.
Livraram da morte no Airbus A330 que caiu no Oceano Atlântico matando 228 a bordo. Esse não era exatamente o dia deles. No dia seguinte chegaram a Munique,sem nenhum arranhão, até então.Lá alugaram um carro e voltavam para Itália. Mas ao transcorrer o trajeto perto de Kufstein na Áustria, o automóvel que viajavam foi colhido por um caminhão,o motorista perdeu a direção e o veículo foi parar na pista contrária.Johanna morreu na hora e Kurt foi levado para o Hospital em estado grave.

O casal, bem como os passageiros da aeronave de onde os dois se libertaram foram marcados pelo implacável destino. A diferença entre as duas fatalidades do infortúnio tiveram uma mesma finalidade porém, em diferentes proporções.A sina dos passageiros do avião,foi dantesca;uma vez que superou outras histórias de aviação.Verdadeira viagem de Dante Alighieri através da Divina Comédia onde se desenha o caminho errado, nos lembrando uma trajetória reservada pelos desígnios certos do destino.

Nenhum comentário:

Postar um comentário