Páginas

20 de jun de 2011

JOVEM REANIMA E PERDOA NAMORADO QUE QUÍS MATÁ-LA

Viva por milagre

 O JOVEM PROMETE SER BONZINHO.
QUEM GARANTE?


Sayara Milarni de Araújo, 18 anos que no Dia dos Namorados foi massacrada pelo namorado com quem vivia há quatro anos sob o mesmo teto a zona Leste de São Paulo, comoveu o mundo.
Gravemente espancada, a moça recebeu atenção da mídia pelo estado deplorável em que ficou:
Apanhou a pauladas durante 1 hora ininterrupta até que seu irmão fosse comunicado e a levasse dali. Com o rosto todo deformado e as costas  toda marcada, com cortes de vidro tendo levado murros, tapas, socos e pontas-pé, Sayara em princípio, nos depoimentos que prestava dizia que o companheiro Sérgio que a mantinha presa, fez tudo aquilo movido pelo ciúme doentio e uso de drogas.
Depois de tudo, mea-culpa
 Depois de ser autuado em flagrante e incriminado na Lei Maria da Penha, o rapaz foi solto após ter pago fiança.E, de imediato, foi ao encontro da sua vítima pedir perdão. Ela, para ir ao encontro dele teve que furar o cerco dos que a acobertavam temendo por uma hora dessa.                                 
Com o rosto todo inchado mal podia abrir os olhos quando, para surpresa de todos a moça começa a defender o chamado monstro, assim, pintado pouco antes, por ela mesma.
Começa a justificar o que aconteceu incriminando-se. Disse que ela mesma era culpada por ter mentido para ele, e que ele foi o seu primeiro namorado. Defendendo-o a contragosto da família e de todos que acham que isso não vai parar por aí; pretende por uma pedra no passado e, acreditem se quiser: está nos planos dela voltar com ele e morar mais uma vez, sob o mesmo teto.



5 comentários:

  1. É isso aí. Mulher gosta de apanhar. Quanto mais apanha mais macia fica.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É mesmo João, se ela gosta de apanhar eu não gosto. Mas eu ia adorar dar uma surra em um frouxo como vc. Vc ia apanhar tanto de mim q ia parecer uma bichinha pedindo 'pelo amor de Deus' pra se socorrido. Haha... Bato em vc e nesse cara da entrevista. E se bobiar baato nela tbm q é pra ter vergonha na cara.

      Excluir
  2. È nada, eles dois se entendem. Briga de marido e mulher ninguém deve meter a colher.

    ResponderExcluir
  3. É mesmo João, se ela gosta de apanhar eu não gosto. Mas eu ia adorar dar uma surra em um frouxo como vc. Vc ia apanhar tanto de mim q ia parecer uma bichinha pedindo 'pelo amor de Deus' pra se socorrido. Haha... Bato em vc e nesse cara da entrevista. E se bobiar baato nela tbm q é pra ter vergonha na cara.

    ResponderExcluir
  4. Soraia não é caso pra delegacia das mulheres. É caso para a Sociedade Protetora Dos Animais ( ela é o cachorrinho dele ) ou caso psiquiátrico mesmo !

    ResponderExcluir